Resumo da Primeira Metade da Primeira Temporada de Gotham

O que rolou de Bom, o que tem para Melhorar e como se desenvolveram os Personagens nestes 10 episódios?

Confira uma analise de gotham nos seus melhores ângulos:


“Gotham” foi uma das séries estreantes da fall season de 2014 que mais gerou burburinho. Afinal, muito podia ser esperado da produção que assumiu a missão de contar a história da cidade do Batman antes mesmo de Bruce Wayne sequer cogitar a sua existência como herói.


 Já falei aqui sobre o piloto de “Gotham”, que me fez concluir que a série realmente seria digna de toda a fama prévia que conquistou. Nesta semana, a FOX encerrou a exibição da primeira parte da temporada de estreia nos Estados Unidos, e te convido a rever o que rolou nesses dez episódios:




Assim como os produtores do seriado vinham dizendo antes da première, “Gotham” não é uma série sobre heróis – na verdade, ela é muito mais sobre os vilões. A cidade é cheia de gente focada exclusivamente em ter mais poder, o que gera uma onda de crimes difícil de controlar. Difícil, principalmente, porque a polícia está envolvida nos jogos de poder da cidade e o único policial que tenta nadar contra a maré é Jim Gordon (Ben McKenzie).

Ao longo da temporada, Ben McKenzie nos faz esquecer de seu velho  “The O.C.” e convence como o homem honesto e preocupado genuinamente em fazer as coisas certas que ele deve ser, Aliais p personagem em muitos momentos nos remete as interpretações do próprio Gordon nas inúmeras animações da DC. O personagem surpreende com suas atitudes e posicionamentos, mostrando que mesmo que você se ferre um bocado na vida, ainda vale a pena continuar firme e forte naquilo que se acredita. Gordon faz isso sempre trabalhando nos casos da melhor forma possível, nunca desistindo de encontrar o responsável pelo assassino dos Wayne e indo contra os poderosos da cidade.




Nesta temporada, o poder de Gotham está dividido basicamente entre dois chefões: Carmine Falcone (John Doman) e Sal Maroni (David Zayas). Aliados a eles estão uma variedade sem fim de capangas, policiais e até o prefeito da cidade. A briga por poder, no entanto, não se concentra unicamente entre eles. Fish Mooney (Jada Pinkett Smith) passa a temporada inteira desenvolvendo um plano para tomar o lugar de seu chefe, Falcone, se mostrando uma mulher determinada e pronta para fazer qualquer coisa para conseguir seus objetivos – e ela se sai bem nesse lance, principalmente para uma personagem criada exclusivamente para a Série, se torna um destaque a parte.

O que ela não conta, porém, é com a rivalidade de Oswald Cobbepot (Robin Lord Taylor), o Pinguim. Taylor foi, com certeza, a escolha mais acertada para o papel e tem feito um excelente e convincente Pinguim,muito elogiado ao longo destes 10 episodio e quase roubando para si os holofotes de toda a série. O personagem rouba a cena e deixou todo mundo de queixo caído quando conhecemos sua armação: ele pensou em todos os mínimos detalhes, acertou os planos como um verdadeiro gênio do mal e conseguiu que tudo funcionasse exatamente como queria.

Depois de convencer Falcone a acreditar nele, Oswald consegue que Gordon seja o encarregado de matá-lo porque ele sabe que o moço não faria isso. Como, de fato, não faz. De volta à cidade, Pinguim consegue se infiltrar nos negócios de Maroni e ganhar a confiança do chefe aos poucos. Mas, ele está trabalhando para Falcone e tem como principal objetivo acabar com os planos de Fish Mooney.

Em outra ala da série, temos o menino Bruce Wayne (David Mazouz) e Alfred (Sean Pertwee). David Mazouz é uma miniatura de Batman perfeita. Seus olhares em momentos mais tensos, sua vontade de fazer as coisas certas, sua inteligência e empenho em treinar luta, equilíbrio e disciplina… Tudo faz com que você veja em Bruce o potencial de Homem Morcego. Sean Pertwee também não deixa a desejar e tem feito um Alfred dedicado, que transborda amor pelo patrão e está disposto a tomar conta dele em todos os níveis da vida o Relacionamento de ambos vem crescendo ao longo dos episódios mostrando como se fosse quase uma engrenagem de como se forma uma amizade que evolui para um sentimento de Paterno e dedicação de um ao outro.

Já no finalzinho dessa primeira leva de episódios, o jovem Bruce conhece Selina Kyle (Camren Bicondova) e Ivy Pepper (Clare Foley), as futuras Mulher Gato e Hera Venenosa. A queda do herdeiro dos Wayne por Selina já nasce na infância e é ela que nos deixa ter um vislumbre de uma criança em Bruce, uma vez que na maior parte das cenas ele está sério, estudando, preocupado.

Aliais vale lembrar que nos últimos episódios com Alfred, e Selina, Bruce ensaiou seus primeiríssimos passos como o Vigilante que vai se Tornar, Fez sua primeira investigação de campo (investigando as industrias Wayne), socou seu primeiro inimigo (Rush) numa cena muito marcante, e saltou ao lado de Selina seu primeiro Prédio.

Edward Nygma (Cory Michael Smith), futuro Charada, é outro vilão apresentado pela série. Aqui, por enquanto, ele é apenas um ajudante da polícia que analisa os detalhes dos casos e adora quebra-cabeças. Harvey Dent (Nicholas D’Agosto), que um dia se tornará o Duas Caras, é outro que se junta à narrativa mais ao fim da primeira fase.


A trama de “Gotham”, então, tem sido levada por três pontos principais: os casos de Gordon e seu parceiro Harvey Bullock (Donal Logue); a disputa pelo poder concentrada em Fish Mooney, Oswald Cobblepot, Maroni e Falcone; e, por fim, o mistério do assassinato dos Wayne, que é o que coloca Bruce, Alfred e Jim Gordon trabalhando juntos. 

No ultimo episodio vimos novamente a pequena Ivy, e o encontro entre ela Selina e Bruce, sua personalidade quase trincada, tentando raciocinar se os Waynes ou a Policia foram os responsaveis pela morte de seus pais, mostra como a personagem pode crescer com raciocínio ligeiramente prejudicado... A frase de Selina para Bruce dizendo siga em frente e não olhe para traz, seguida de Eu tenho medo dela... dar um ar do que a menina vai se tornar ao longo dos anos.

Os novos episódios, que começam a ser transmitidos em 2015, trarão Gordon em uma nova fase da carreira, já que ele acaba de ser punido por sua “rebeldia com causa” e mandado para Arkham. Oswald Cobblepot e Fish Mooney têm planos cada um para seu lado e o cabo de força tende a ficar mais disputado nos episódios vindouros.

No Brasil, “Gotham” é transmitida pelo canal Warner. E aí, você o que achou de Gotham e sua primeira metade de temporada?

    Blogger Comment
    Facebook Comment
 
Copyright © 2013. Tia Nerd Show - All Rights Reserved
Template Created by ThemeXpose | Published By Gooyaabi Templates